segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Paródia - Consciência Negra

Melodia - Asa Branca

Quando lembro da senzala
a dor aperta meu coração
Do sofrimento mãos calejadas
que levantaram essa nação(bis)

Ceará Terra da Luz
Foste o primeiro a reconhecer
Que a escravidão e a crueldade
Não podiam prevalecer (bis)

O racismo é burrice
Que não tem explicação
O irmão negro, é filho de Deus
e merece nossa atenção (bis)

Nascemos de uma mistura
Então porque ter preconceito
Cada um tem sua cor
Ser difrente não é defeito (bis)

Sua cultura permanece
na tradição e também na fé
nas comidas e no batuque
E ainda samba no pé (bis)

Alunos de Lagoa Salgada - EEF Raimunda Elvira Brandão - Comemorações ao Dia da Consciência Negra - 20/11/2013 - Auditório Municipal de Cruz


Nenhum comentário: